Felizes na Trajetória!

Jesus Cristo parte do princípio de que aqueles que estão na caminhada com ele, são felizes!

Pois, “Bem aventurados”, “Felizes”, ou ainda “Abençoados”, são chamados aqueles que choram, sofrem injustiça e tantas outras coisas, mas tudo isso acontece diante do Senhor! Pois, diante de Deus, serão consolados, fartos ou ainda, terão o reino dos céus!

 

O autor Ed Rene Kivitz, no seu livro Talmidim, quando trata o tema das bem aventuranças, faz o seguinte questionamento: “Que palavra Jesus teria usado na língua hebraica ou aramaica, quando se dirigiu aos discípulos e à multidão de ouvintes em Mateus 5, chamando-os de felizes?

Assim, Kivitz chega ao termo ashrei, da mesma raíz de ashur, “pés”. Ashrei, portanto, poderia ser traduzido por: “Alegre-se por estar a caminho”!

 

Obviamente a alegria, a bem aventurança não está no choro ou na injustiça, mas, nesta interpretação, está no fato de que apesar da injustiça sofrida, ou humildade vivida, continuamos na trajetória! Estamos a caminho do Reino dos Céus!

 

Aqui lembramos de um texto do Apóstolo Paulo, que aponta para a certeza de estar em Cristo, ou seja, a caminho do Reino de Deus. Leia Romanos 8.35-39

 

DIÁLOGO: Você sabe que nada pode lhe separar do amor de Cristo?

 

Ou seja, se já estamos na trajetória com Cristo, nada nos tira dela! Aqui reside o maior motivo de alegria ou bem aventurança, não nas dificuldades enfrentadas!

 

Cada bem aventurança, por falar de uma situação específica do peregrino na caminhada rumo ao reino dos céus, traz também uma bênção específica, que trata de um fator pontual de alegria, dentro do contexto de luta ou provação. Vejamos algumas delas:

 

FELIZES OS POBRES EM ESPÍRITO, PORQUE DELES É O REINO DOS CÉUS. Mateus 5.3

Ninguém gosta de passar por derrotas ou fracassos pessoais! No entanto, esta bem aventurança trata exatamente de uma alegria, que para muitos, é revelada apenas no fracasso: o reino dos céus! Pois, exatamente quando não temos mais onde nos agarrar, enxergamos, com mais facilidade, o reino que Deus nos traz!

 

DIÁLOGO: Qual o  investimento que você está fazendo em reinos pessoais e no reino de Deus?

Pode haver reinos paralelos na nossa vida? Ou seja, construir um reino próprio, como uma carreira, um sonho familiar, sem perder de vista a prioridade do reino dos céus?

Quais são seus desafios para que as prioridades estejam na ordem certa?

 

FELIZES OS QUE CHORAM, POIS SERÃO CONSOLADOS. Mateus 5.4

O palavra usada para “choro”, no texto grego, refere-se a um pranto pelo morto, ou seja, um choro de luto! É quando somos tomados de profunda tristeza, de tal forma, que não se pode ocultar! A felicidade específica está no conforto, que vem do consolo de Deus! Todo ser humano sofre, mas os que choram diante de Deus, têm quem os conforte!

 

DIÁLOGO: Onde você derrama suas lágrimas?

Você está precisando de consolo neste momento?

 

FELIZES OS HUMILDES, POIS ELES RECEBERÃO A TERRA POR HERANÇA. Mateus 5.5

Aqui trata-se da atitude humilde e mansa, que se expressa na forma como se lida com ofensas e injustiças. Obviamente, não é um incentivo para se sofrer injustiça, mas, seria a reação de alguém, sem desejo de vingança! Os mansos seriam aqueles que tem um estilo de vida amoroso, sem amargura.

Na interpretação do teólogo Fritz Rienicker, tais pessoas, pela sua postura amável, sem amargura nem vingança, influenciam o seu meio já agora, apontando, pelo seu estilo de vida, para o reinar de Deus!

 

CONCLUINDO: o cristão é feliz, por estar a caminho do Reino de Deus! Nesta caminhada, choramos,  nos humilhamos, lidamos com fracassos pessoais, mas nada pode nos separar do amor de Cristo!

 

Alegre-se!  Pois…

“Estou convencido de que aquele que começou boa obra em vocês, vai completá-la até o dia de Cristo Jesus.” Filipenses 1.6

print

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *